sexta-feira, 28 de maio de 2010

Tapete de Histórias

Resumo:

O presente trabalho relata um projeto de ensino intitulado Tapete de Histórias, realizado em uma escola de educação infantil da cidade do Rio Grande com uma turma de jardim II. O objetivo da atividade foi a partir de histórias infantis montar um tapete com a ilustração dos principais personagens e posteriormente instigar os alunos a relembrar e recontar as mesmas histórias podendo dar a elas um final diferente ou ainda criar outras tramas, usando ou não os mesmos personagens. O desenvolvimento do projeto teve duração de duas semanas, nas quais foram realizadas diversas atividades. A montagem do tapete encantou a turma, despertando a curiosidade e o interesse dos alunos pelo mundo da leitura, provocando nos discentes o desejo de aprender a ler, através do mundo da fantasia. Através de brincadeiras de faz-de-conta os pequeninos foram reconhecendo, descobrindo e apropriando-se de códigos lingüísticos e da estrutura da escrita apresentada nos diversos textos. E, a cada nova atividade o tapete ia se completando e colorindo o ambiente. Assim, ao longo do projeto experimentei o privilegio de observar a motivação de cada discente em desvendar e inserir-se espontaneamente no mundo da leitura. Muito feliz com a participação das crianças, creio que os dias vividos com o tapete de histórias jamais serão esquecidos.Confira algumas fotos e detalhes do projeto realizado em duas semanas.
*Na primeira etapa, contei uma história em cada dia, e fui colocando em um painel partes de um tapete que no final de oito dias foi montado com alinhavos em sala de aula.
*Na segunda os pequenos foram relembrando todas as tramas. Cada aluno ficou responsável por uma história. De uma caixa eram sorteados envelopes coloridos, na frente deste havia o nome da história, a criança deveria identificar no tapete a ilustração daquela que havia sorteado.
* Sentadinho no "quadrado" corresponde o discente tinha a liberdade de recontar a história colocando outros personagens e/ou criando finais diferentes. Dentro dos envelopes haviam diversas atividades de acordo com o tema da história. Ao final da aula colávamos o envelope num painel e escrevíamos o nome do contador da história em uma lista.
Para cada história, na primeira etapa, escolhi uma maneira diferente pra contar:
Cachinhos Dourados: Foram utilizados três ursos de pelúcia e pequenas mobílias, representando a casa da família urso, uma pequena boneca lora simbolizou Cachinhos Dourados.
A formiguinha e a Neve: Os alunos deitaram em colchonetes com os olhos vendados, e emquanto tocava uma música instrumental fui narrando a história.
João e o pé de feijão: Utilizei diferentes indumentárias para representar os personagens da história. Um avental, enquanto encenava as falas da mãe, um chapéu de palha para João, uma manta de tricô para a senhora que encontra João na rua e grandes sapatos para respresentar o gigante.
A Galinha Ruiva: Enquanto contava a história ia improvisando desenhos no quadro.
O macaco e o coelho: Desenhos das cenas, colorido com giz de cera e canetinhas, colados em cartona serviram de apoio visual para essa narrativa.
O coelhinho Juca: Fantoches de cartolina em palitos de picolé serviram de suporte para essa história.
Os três porquinhos: DVD e pipoca.
Dona Baratinha: Com o apoio de outras professoras montei uma pequena peça de teatro e convidei as demais turmas para assistir.
No painel de controle dos contadores de história, as bolinhas coloridas coincidiam com a cor dos envelopes, indicando qual história o aluno havia contado.














































Um comentário:

  1. Adorei seu tapete de histórias.
    Venha me visitar.
    Já estou seguindo aqui.

    ResponderExcluir